Em breve teremos um novo site! Fique atento.

Festa de Acies reúne uma centena de Legionários na Diocese

Legionárias de todas as partes da Diocese se reúnem para seu encontro de espiritualidade

Redação | Segunda, 20 Março 2017 23:48
Festa de Acies reúne uma centena de Legionários na Diocese

No último dia 18 de março, reuniram-se na Capela do Santíssimo, cerca de 103 membros da Associação de Católicos Legião de Maria presentes na Diocese de Campo Limpo para celebrar uma das solenidades legionárias mais importantes: a festa de ACIES, palavra latina que significa um exército em ordem de batalha, a qual designa, com razão, a cerimônia em que os legionários, como um só corpo, se reúnem para renovar a sua fidelidade a Maria, Rainha da Legião, e dela receber a força e a bênção para um novo ano de combate contra o exército do mal.

Após a oração do rosário, foi feita uma alocução pelo Pe. Francisco dos Santos, diretor espiritual da Legião de Maria na Diocese de Campo Limpo. Em seguida procedeu-se à adoração e Bênção do Santíssimo e, em seguida a consagração individual a Nossa Senhora de cada legionário que diante do Vexillum1, e da imagem de Nossa Senhora das Graças, parou, colocou a mão sobre a haste do estandarte e pronunciou em voz alta a consagração individual nestes termos: “Eu sou todo vosso, ó minha Rainha e minha Mãe, e tudo quanto tenho vos pertence”.

Após a renovação da consagração, Pe. Francisco, em nome de todos os presentes, leu em alta voz um ato de Consagração a Nossa Senhora e todos, em seguida, de pé, rezaram a Catena2, finalizando com as orações finais da Legião de Maria e com um cântico mariano. A singeleza e profundidade dessa festa ressaltaram uma das mais importantes missões de cada Legionário de Maria: unir-se a ela através da oração diária do rosário, como um exército em ordem de batalha e a de fomentar entre os leigos cristãos o sentido de uma vocação própria, pois cada um é chamado individualmente por Deus a amá-Lo e a servi-Lo, a fazer um trabalho particular que outros poderão talvez, realizar melhor, mas nunca substituir.

_____________________

1 O “Vexillum Legionis” é uma adaptação do estandarte da Legião Romana. A águia que ficava em cima deste último foi substituída pela pomba – símbolo do Espírito Santo. Por baixo desta, exibe-se com orgulho a legenda: “Legio Mariae” (Legião de Maria). Entre esta e a haste do Vexillum (e unida à primeira por uma rosa e um lírio) há uma moldura oval com a imagem da Imaculada Conceição, copiada da Medalha Milagrosa. A haste firma-se num globo que, nos modelos de mesa, assenta numa base quadrada. O conjunto exprime a ideia da conquista do mundo pelo Espírito Santo, atuando por Maria e seus filhos (cf. pág. 147 do Manual Oficial da Legião de Maria).

2 Catena: oração da Festa de Maria Medianeira de todas as Graças, Mãe de Deus e Mãe de todos os homens que está contida da Tessera, uma folhinha que contém as orações da Legião e reproduz seu quadro com a síntese de todo o significado da Legião de Maria. Para os legionários a Tessera é muito importante pois: a) circula entre todos os legionários; b) exprime a verdadeira senha da Legião: - as orações; c) é o símbolo de unidade e fraternidade entre os legionários onde quer que se encontrem (cf. págs. 144 e 146 do Manual Oficial da Legião de Maria).